Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
5/02/20 às 16h09 - Atualizado em 6/02/20 às 18h14

Programa do governo cria 5 mil vagas em creches particulares para crianças carentes

COMPARTILHAR

GDF vai distribuir R$ 800 por criança de 0 a 3 anos. Cerca de 10 mil famílias serão atendidas até o fim do ano. 

 

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico vai credenciar, a partir de março, as creches particulares interessadas em participar do programa que disponibilizará cerca de 5 mil vagas para abrigar crianças carentes durante o horário de trabalho dos pais. A previsão da SDE é cadastrar mais de 500 creches. O benefício foi lançado nesta quarta-feira (5) pelo governador Ibaneis Rocha e será mantido com orçamento da Secretaria de Educação.

 

As regras para o credenciamento das creches particulares serão publicadas em edital de chamamento público a ser divulgado pela SDE nos próximos dias. Durante a solenidade, o governador disse que o GDF vai construir cinco novas creches públicas que devem ser entregues ainda este ano. Outras duas estão em fase de planejamento. “A ideia é terminar o ano com 15 mil crianças em creches no DF e até o fim do próximo ano vamos zerar a espera por esse tipo de serviço”, garantiu Ibaneis.

 

Pequenos Reparos

 

Na mesma solenidade o governador também lançou o programa Pequenos Reparos Nas Escolas. Com o cartão os diretores das escolas poderão comprar material de construção e contratar profissionais de uma das nove especialidades previstas no programa: bombeiro hidráulico, chaveiro, eletricista, jardineiro, pedreiro, pintor, serralheiro, técnico em informática e técnico em eletroeletrônica.

 

A SDE credenciou 542 profissionais que receberam um número de CNPJ e foram formalizados como Microempreendedores individuais. Estes autônomos serão chamados, por ordem de inscrição, para apresentar orçamentos aos diretores das escolas que demandarem os serviços. A Secretaria de Educação usará recursos do Programa de Descentralização Administrativa e Financeira (PDAF) para executar as pequenas obras nas escolas. A iniciativa faz parte da política do governo para criar emprego e gerar renda.